Para ti, onde quer que estejas, hoje dia do teu aniversário

Se eu fosse poetisa
Far-te-ia um poema,
Mãe!
Breve,
Singelo
E muito belo.

Se eu fosse pintora
Reproduziria
Na minha tela
O teu rosto
Mãe!
Esse rosto
Lindo,
Gentil,
Airoso.
O teu olhar
Azul,
Suave,
Brando,
Melodioso.

Mas não, Mãe!
Eu não sou poetisa,
Nem sou pintora,
Eu não sou nada.

Só tenho
Para te dar
O meu amor!

Beliebte Posts